Roterdan Lyrics

Cinza by Roterdan

Video Cinza by Roterdan
Share this

Há quem diga que eu cheguei no meu pior
Que eu devo parar de ouvir as vozes ao meu redor

Já perdi as contas
Com tantos problemas
Cinzas decoram o canto do sofá
Luzes piscando
Estranhos telefonemas
A vida insiste em me sufocar

Eu não vou me entregar assim
O que morre para o mundo ainda vive em mim
Se o ar me faltar no fim
O meu corpo só descansa quando eu te livrar daí

Ouça com atenção
Eu não vim aqui pra voltar de mãos vazias
E tanto faz se eu vou cair no
chão
Não vim pra voltar de cara limpa
Agora sei como é carregar o peso do mundo
Agora vejo o mesmo lugar distante de tudo

Estão me seguindo e querem levar o melhor de mim
Todo o meu sangue
Todo suor

Eu não vou me entregar assim
O que morre para o mundo ainda vive em mim
Se o ar me faltar no fim
O meu corpo só descansa quando eu te livrar

Eu não vou me entregar assim
O que morre para o mundo ainda vive em mim
Se o ar me faltar no fim
O meu corpo só descansa quando eu te livrar
Do you like this song?

Buy it in Amazon

Share this



Roterdan lyrics are property and copyright of their owners.
All lyrics provided for educational purposes and personal use only.
Commercial use is not allowed.

Comments

Cinza
Roterdan